Foto: Infraero

Aeroporto central por localização, o Santos Dumont perdeu, durante a década de 90, sua vocação para voos de curta distância. Com a operação de rotas para vários destinos do Brasil, o aeroporto passou a receber um número de passageiros além de sua capacidade.

Por isso, no final de 2004, o Santos Dumont retornou à sua condição original e passou a operar apenas voos provenientes ou com destino ao Aeroporto de Congonhas, em São Paulo, além de aviação regional.

O terminal de passageiros passará agora por obras de reforma e ampliação, para receber com mais conforto os usuários da ponte aérea.

Publicidade