Airport Infra Expo 2018 debate Plano de Investimentos na Aviação Regional

356
Foto: Inframerica - BSB Airport

Em sua 7ª edição, a Airport Infra Expo, organizada pela Sator e maior evento dedicado à infraestrutura aeroportuária no Brasil, contará com a participação de especialistas do setor que irão discutir as projeções, perspectivas e realidade deste segmento fundamental para a economia e desenvolvimento do país.

O evento conta com o patrocínio Ouro da Rockwell Collins, companhia com atuação mundial e líder em soluções de aviação para clientes comerciais e militares, e será realizado pela terceira vez em Brasília/DF, no Centro de Eventos e Convenções Brasil 21, no dia 26 de abril. O Programa de Aviação Regional, que já beneficiou mais de 50 aeroportos regionais, com mais de R$ 800 milhões investidos em andamento, é um dos temas de destaque da Airport Infra Expo 2018.

Dario Rais Lopes, Secretário Nacional de Aviação Civil (SAC), é um dos palestrantes confirmados e irá participar do Painel “Mercado aeroportuário brasileiro: 2011 a 2021 – início das concessões, crise econômica e consolidação do mercado – Projeções, perspectivas e realidade do setor”. Segundo o Secretário, com o objetivo de permitir o contínuo aperfeiçoamento da infraestrutura e serviços de transporte, a ação do Governo relacionada aos aeroportos regionais se dá em vários níveis: investimento, aprimoramento regulatório e capacitação de pessoal. “Em termos de investimento, após estudo feito pela Secretaria Nacional de Aviação Civil (SAC), do Ministério dos Transportes, Portos e Aviação Civil, 177 aeroportos regionais foram selecionados para receber algum tipo de melhoria por parte da União. Fizemos uma priorização em função do impacto que a obra vai ter em termos de área de influência e do interesse em operação, ou seja, estamos fazendo obras onde a iniciativa privada quer prestar serviço. Com isso, garantimos que o dinheiro público vai ser transformado em mais acessibilidade e mobilidade por meio da iniciativa privada e, também, pelas condições de sustentabilidade do local”, cita.

Sobre as novas rotas, Lopes comenta que estas dependem das decisões empresariais das companhias aéreas. “Para que se possa estimular a geração de novos serviços o importante é implantar o conceito de máxima prontidão operacional desses aeroportos, ou seja, eles estarão prontos para atender a demanda de serviços aéreos durante 24 horas do dia”.

E complementa: “Em 2017 totalizamos 19 aeroportos regionais com investimento no montante de R$ 495 milhões para infraestrutura. Além disso, demos continuidade a 15 convênios de repasse aos estados e/ou municípios para obras aeroportuárias no valor total de R$ 194 milhões. Para este ano, trabalhamos para uma expansão de R$ 300 milhões. Acrescenta-se ainda os repasses para o Comando da Aeronáutica para a execução de obras nos aeroportos da região amazônica, com o Comando do Exército para as obras no Aeroporto de Dourados (MS) e com o Departamento de Controle do Espaço Aéreo (DECEA) para a implantação de Estações Meteorológicas de Superfície – Automáticas (EMS-A), numa previsão de R$ 184 milhões. Desta forma, nós estamos começando a cobrir com obras todo território nacional e esses empreendimentos terão prazo de conclusão de pouco mais de um ano, em média”, conclui.

Case Vitória da Conquista
O total de investimentos com obras de melhorias no Aeroporto de Vitória da Conquista é de R$ 98 milhões, sendo R$ 5,3 milhões provenientes da contrapartida estadual, R$ 47,7 milhões de Investimentos da União- já realizados, e R$ 45 milhões da união para obras com previsão de conclusão no 2° semestre de 2018.

De acordo com o Prefeito de Vitória da Conquista, Herzem Gusmão, a implantação do novo aeroporto na cidade irá fortalecer a economia local e regional. “O Aeroporto Glauber Rocha vem para fortalecer a economia regional, o turismo de negócios e da região. Vitória da Conquista é uma porta de entrada para a Chapada Diamantina, por exemplo, uma das grandes regiões turísticas do nosso estado. Com isso, o público terá acesso facilitado por meio de voos comerciais às cidades como Rio de Contas, Mucugê e Barra da Estiva. Será um grande estímulo ao turismo e, consequentemente, à economia. Outro ponto positivo será a possibilidade de movimentar a Educação, com maior agilidade no fluxo de professores doutores e pesquisadores em eventos e cursos da cidade”, declara.

O Prefeito reforça, ainda, que além dos R$ 45 milhões investidos pelo Governo Federal, valor que representa mais de 90% da obra, a Prefeitura investiu intensamente em obras de apoio no entorno do novo aeroporto. “Continuamos trabalhando e estamos na iminência de contratar a Fundação Escola Politécnica da UFBA para elaborar o Plano Diretor Aeroportuário, instrumento necessário para ordenar o crescimento da área onde está localizado o Aeroporto Glauber Rocha”, conclui Herzem Gusmão.

Serviço Airport Infra Expo 2018
Data: 26 de Abril de 2018
Horário: das 09h às 18h30
Local: Centro de Eventos e Convenções Brasil 21, SHS Quadra 06 Lote 01, Conjunto A, Brasília/DF

Mais informações sobre as inscrições e a programação do evento no site: www.airportinfraexpo.com.br