Boeing atinge meta de entregas de aeronaves em 2010 e registra grande número de encomendas

432

A Boeing registrou a entrega de 462 aeronaves comerciais em 2010, cumprindo a meta da empresa de entregar cerca de 460 jatos ao longo do ano. A Boeing também recebeu 530 encomendas de aviões comerciais em sua rede neste ano, uma vez que as linhas aéreas estão em expansão graças à recuperação econômica. A divisão Commercial Airplanes (Aviões Comerciais) mantém uma sólida base de pedidos e encomendas, com 3.443 aeronaves por entregar. “Com 376 entregas em 2010, o 737 Next-Generation estabeleceu, pelo Segundo ano consecutivo, um recorde de entregas para a empresa”, disse Jim Albaugh, presidente e CEO da Boeing Commercial Airplanes. O 777 liderou entre os aviões de corredor duplo – com 74 entregas e 46 encomendas na rede em 2010.
Durante 2010, a Boeing anunciou uma série de aumentos nas taxas de produção de toda a sua linha de montagem, a fim de suprir a demanda de linhas aéreas de todo o mundo. A taxa de produção do 737 Next-Generation crescerá para 35 unidades por mês, logo no início de 2012 e para 38 unidades fabricadas por mês no segundo trimestre de 2013. A taxa de produção do 777 crescerá de cinco para sete unidades por mês em meados de 2011 e depois para 8,3 unidades de avião por mês já no início de 2013. O 747-8 Cargueiro tem sua primeira entrega prevista para o meio deste ano e a versão 747-8 Intercontinental está planejada para o final do ano. O 787 Dreamliner continua seu programa de testes de voo.