Cathay Pacific encomenda aeronaves Airbus A350-1000

646

A Cathay Pacific Airways anunciou hoje que entrará em um acordo com a Airbus para converter 16 do seu Airbus A350 -900 previamente encomendados em aeronaves maiores Airbus A350-1000, e também para comprar outras 10 aeronaves Airbus A350-1000. O preço de tabela das aeronaves é de cerca de US$ 3,296 bilhões e o preço de tabela incremental para a conversão dos equipamentos é de cerca de US$ 1,090 bilhão.

O acordo está sujeito à aprovação do Conselho de Administração da companhia, que deverá decidir sobre o assunto em 8 de agosto de 2012.

O presidente-executivo da Cathay Pacific, John Slosar, disse: “Este é um desenvolvimento importante e estratégico para a Cathay Pacific. A aeronave A350-1000 nos tornará campeã mundial de eficiência de combustível e de compatibilidade ambiental. Também será um avião muito popular entre nossos clientes. Sua capacidade de carga e seu alcance melhorados nos permitirão ligar as cidades cada vez mais importantes em todo o mundo diretamente com Hong Kong. Com este pedido, a Cathay Pacific terá um total de 100 aeronaves encomendadas para entrega até 2020, compreendendo um investimento agregado a preços de tabela de US$ 27 bilhões”.

Após este pedido, a companhia terá 22 Airbus A350-900s e 26 Airbus A350-1000. A aeronave A350-1000 será equipada com a versão de maior empuxo do motor Rolls-Royce Trent XWB.

O presidente & CEO da Airbus Fabrice Brégier disse: “Este anúncio de uma das companhias aéreas mais respeitadas do mundo é um aval claro da economia operacional imbatível oferecida pelo A350 XWB. O A350-1000 será um divisor de águas na categoria 350, que oferece capacidade de carga excepcional, novos níveis de conforto e 25% de redução no consumo de combustível. Estamos ansiosos para construir nosso relacionamento de longo prazo com a Cathay Pacific, companhia aérea que traz novos níveis de eficiência para o mercado de voos de longa distancia”.

Este pedido adicional será outro marco fundamental na modernização da frota da companhia aérea, que está em consonância com o plano de crescimento da empresa a longo prazo. A Cathay Pacific opera atualmente uma frota de 135 aeronaves wide-body.

Slosar disse que o último pedido de aeronaves demonstra mais uma vez a confiança da companhia em Hong Kong, seu hub de aviação muito bem sucedido, e sublinha o seu compromisso como a transportadora de Hong Kong.

Além de novas aeronaves, a Cathay Pacific está investindo US$ 760 milhões em um novo terminal de cargas no Aeroporto Internacional de Hong Kong, programado para abrir no início de 2013, e está aprimorando seus produtos, a bordo dos seus aviões e em solo.

Publicidade