CVM suspende IPO da Azul por até 30 dias

7728

A Comissão de Valores Mobiliários suspendeu nesta quinta-feira (6) a oferta inicial de ações da Azul por até 30 dias, após constatar que materiais de apresentação da operação foram divulgados na internet, o que fere o regime da CVM.

Além disso na apresentação veiculada há projeções sobre a valorização do investimento da companhia na portuguesa TAP, que não está descrito nos prospectos da oferta.

Informações sigilosas de projeção de demanda e precificação das ações veiculadas na internet também é um fato irregular. Para voltar com a IPO a Azul deve corrigir tais fatos para que a CVM revogue sua decisão ou a oferta será indeferida pela CVM.

Publicidade