Executivos da EADS participam de missão no Brasil

627

Um grupo de 30 executivos de diferentes divisões da EADS está em visita a Brasília e São Paulo desde 12 de setembro, no âmbito de um programa global de desenvolvimento de lideranças chamado Expand, que visa desenvolver e aperfeiçoar as competências dos futuros líderes do Grupo europeu. Observando na prática o ambiente aeroespacial e de defesa de um país estratégico para a EADS como o Brasil, o programa permitirá aos executivos ampliar sua visão internacional e reforçar suas habilidades de pensamento estratégico.

Como parte do mesmo programa, outros dois grupos de 30 executivos já visitaram São Paulo e São José dos Campos, em junho, e o Rio de Janeiro, em julho. Todos os participantes cumpriram extensas agendas de visitas a instituições públicas, indústrias e universidades brasileiras, com a realização de palestras e encontros com especialistas e formadores de opinião locais.

“O programa Expand é muito importante, uma vez que permite sensibilizar esse grupo seleto de executivos, que estão sendo preparados para assumir posições de liderança dentro da EADS, sobre temas estratégicos de interesse do Grupo no Brasil, através de uma imersão na realidade local”, destacou Eduardo Marson, presidente da Helibras e presidente do Conselho de Administração da EADS Brasil, que participou do programa Expand em 2009, na Índia.

“Ao fim deste programa, esse grupo de executivos da EADS terá participado de mais de 90 reuniões com empresas, associações e instituições educacionais brasileiras. Os encontros têm sido fundamentais para ajudar a nossa compreensão do Brasil e de como o país esta se tornando um parceiro cada vez mais fundamental no futuro da EADS”, afirmou Bruno Gallard, diretor geral da EADS Brasil.

Para entender um país com o qual pretendemos estabelecer uma relação estratégica, seus desafios e suas perspectivas você primeiro precisa ir até lá e conhecer as pessoas, compartilhar suas experiências, explorar novas oportunidades. “É por isso que o programa Expand ocorre a cada ano em um país estratégico para a EADS, como o Brasil”, explica Gaelle Pellerin, chefe da Corporate Business Academy da EADS O programa existe desde 2004 e, anualmente, leva os executivos de diferentes divisões e unidades de negócio do Grupo EADS a países como os EUA (em 2004), China (2005 e 2006) e Índia (2008 e 2009).

Publicidade