Infraero assina contrato para instalação de máquinas para venda de alimentos e bebidas em aeroportos

515

A Infraero assinou hoje, sexta-feira, 11 de novembro, o contrato com três empresas para a instalação de máquinas de venda de alimentos e bebidas em 12 aeroportos relacionados à Copa do Mundo e Olimpíadas, além dos Terminais de Congonhas, Santos Dumont e da Pampulha. Ao todo, serão 143 pontos de vendas distribuídos pelos saguões e salas de embarque e desembarque domésticos e internacionais. A estimativa é que os equipamentos entrem em funcionamento ainda neste ano, para atender a demanda da alta temporada.

As máquinas foram distribuídas em oito lotes, arrematados pelas vencedoras num pregão eletrônico realizado em agosto deste ano. Os contratos foram assinados pelo diretor Comercial da Infraero, Geraldo Moreira, e pelos representantes das empresas.

Além dos espaços para instalação das máquinas, o contrato prevê a concessão de 15 locais – um para cada Terminal de Passageiros – destinados ao depósito de alimentos e bebidas, o que deverá auxiliar na rápida reposição das mercadorias pelas empresas responsáveis pelos equipamentos. As máquinas oferecerão bebidas não alcoólicas, como refrigerantes, sucos e água, lanches como salgadinhos e sanduíches, além de opções de café e chás. O contrato prevê que todas as máquinas deverão ter duas opções para pagamento.

Segundo Geraldo Moreira, a instalação das máquinas vai diversificar a oferta de produtos e serviços na área de alimentação nos aeroportos da Infraero. “Com mais oferta, a tendência é que haja mais concorrência entre as empresas para conquistar o cliente, o que vai beneficiar passageiros e usuários dos aeroportos”, afirmou o diretor Comercial da Infraero.

Para Isidro Telo, representante da T&T, umas das empresas vencedoras do pregão, as máquinas serão mais uma opção para passageiros e usuários. “Esse tipo de serviço já é disponibilizado em vários aeroportos em todo o mundo e certamente vai agradar aos usuários dos aeroportos brasileiros”, disse. Essa é a mesma opinião de José Rodrigues, representante da DP Brasil: “As vending machine possuem uma variedade de bebidas e alimentos mais acessíveis aos usuários”, destacou. Já para o representante da empresa Nordeste, que possui máquinas distribuídas no Aeroporto Internacional de São Luís (MA), a facilidade é utilizada principalmente por jovens e crianças.

Entre os aeroportos que receberão as máquinas de venda, 12 estão relacionados às cidades-sede da Copa do Mundo – Recife (PE), Fortaleza (CE), Guarulhos (SP), Viracopos (SP), Confins (MG), Brasília (DF), Cuiabá (MT), Manaus (AM), Salvador (BA), Galeão (RJ), Porto Alegre (RS) e Curitiba (PR); além dos aeroportos de Congonhas (SP), Santos Dumont (RJ) e Pampulha (MG).