United anuncia lucro no terceiro trimestre do ano

625
Foto by: United Airlines
Foto by: United Airlines

A United Airlines (UAL) anunciou hoje um lucro líquido de US$590 milhões no terceiro trimestre de 2013, um aumento de 13,5% em relação ao ano, ou US$1.51 por ação diluída, sendo excluídos deste valor US$211 milhões de encargos especiais. Incluindo os encargos, a UAL reportou um lucro líquido de US$379 milhões no terceiro trimestre de 2013, ou US$0.98 por ação diluída.

A UAL gerou uma receita de US$10.2 bilhões no terceiro trimestre de 2013.
A receita consolidada de passageiros da United avaliada em milhas por assento disponível (PRASM) aumentou 2.7 % no terceiro trimestre, se comparada ao terceiro trimestre de 2012.

Os custos unitários consolidados do terceiro trimestre (CASM), mantendo constantes as taxas de combustível e participação nos lucros e excluindo encargos e gastos de terceiros, aumentou 3.6% em comparação ao ano passado. A capacidade consolidada (milhas por assentos disponíveis) teve uma redução de 1.1%. O terceiro trimestre consolidado de CASM aumentou em 1.2% em relação ao ano passado.

A taxa de eficiência de combustível consolidada (litros por assento disponível por milha) aumentou 1.1% comparando ao ano passado, devido principalmente à reposição de aeronaves mais antigas pelas novas e altamente eficientes, como Boeing 737-900ERs e Boeing 787 Dreamliners. A UAL encerrou o terceiro trimestre com uma liquidez irrestrita de US$ 6.7 bilhões.

“Nós melhoramos significativamente nossas operações, serviços ao cliente e produto, e agora estamos competitivos em todas essas dimensões. Eu gostaria de agradecer aos meus colaboradores, já que trabalhamos juntos para alcançar a nossa promessa de tornar a United ‘flyer friendly'”, disse Jeff Smisek, presidente e CEO da empresa. “Entretanto, não estamos satisfeitos com nosso desempenho financeiro, e estamos tomando medidas imediatas para aumentar nossa receita e operar de forma mais eficiente em toda a empresa.”

Rede, Frota e Sustentabilidade

No terceiro trimestre, a companhia anunciou que está expandindo sua principal rede de rotas em todo o mundo e fará o lançamento de um serviço sem escalas de São Francisco a Chengdu, a quarta maior cidade na China, e de Chicago para Edimburgo, Escócia, começando em Junho de 2014. Neste trimestre, a United lançou um serviço sem escalas a St. Lucia, como um serviço adicional sem escalas à Anchorage, Alasca; Austin, Texas; Traverse City, Mich.; e Saskatoon, Saskatchewan, Canadá. A companhia também anunciou mais três cidades em sua rede: Elmira, N.Y., Topeka, Kan.; e Sun Valley, Idaho, como também um serviço adicional para Fort Myers, Fla.; Hayden, Colo.; Indianapolis; e State College, Pa.

A companhia recebeu sete novas e eficientes aeronaves, incluindo seis Boeing 737-900ERs e um Boeing 787 Dreamliner, e retirou de serviço sete Boeing 757-200s.

A aeronave Boeing 737-800 da United reequipada com o novo Split Scimitar Winglet começou seus testes de voo. A United é o primeiro cliente norte-americano a lançar o avançado 737 Next-Generation que melhora a eficiência nas asas da frota de 737 da companhia em aproximadamente 2%, enquanto reduz simultaneamente as emissões de carbono, e a companhia começará a instalar as novas asas em sua frota de 737 até o final do ano.

A United foi nomeada Vencedora de Ouro como “Companhia Aérea do Ano” em Eco-Aviação pela Revista de Transporte Aéreo Mundial (ATW).