Embraer leva aviões para a IDEX 2005

203

A Embraer anunciou hoje sua participação na 8a International Defense Exhibition and Conference – IDEX (Exposição e Conferência Internacional de Defesa), realizada anualmente, a fim de promover o Super Tucano e novos avanços em suas aeronaves da família ISR – Intelligence, Surveillance and Reconnaissance (Inteligência, Vigilância e Reconhecimento). A IDEX 2005 será realizada entre 12 e 17 de fevereiro em Abu Dhabi, nos Emirados Árabes Unidos.

O Super Tucano, avião de treinamento e ataque leve da Embraer, foi criado com base na plataforma do Tucano. Atualmente, 650 aviões Tucano estão em operação em cerca de 17 forças aéreas em todo o mundo, incluindo o Brasil, Grã-Bretanha, França, Egito e Kuwait. Renomado turboélice militar multitarefa da Embraer para treinamento básico e avançado, ataque leve e familiarização com armamento, o Super Tucano já está a serviço da Força Aérea Brasileira (FAB). As entregas de Super Tucano à FAB estão dentro da programação, devendo atingir as 76 unidades contratadas, além de mais 23 opções. Os Super Tucano da FAB serão usados juntamente com mais oito aviões ISR da Embraer no Sistema de Vigilância da Amazônia (SIVAM).

As aeronaves ISR da Embraer atendem todos os requisitos do Governo brasileiro para o SIVAM, havendo também encomendas dos governos da Grécia e do México. Recentemente, o Exército e a Marinha dos Estados Unidos encomendaram 57 aeronaves ISR da Embraer para o programa Aerial Common Sensor (ACS).

Os sistemas dos aviões ISR da Embraer foram desenvolvidos originalmente para o Programa SIVAM do Brasil, iniciado em 1997 e hoje em pleno funcionamento. A plataforma do jato regional ERJ 145 foi inteiramente modificada para satisfazer os rigorosos requisitos das missões ISR e de integração dos equipamentos. A linha de produtos ISR da Embraer é composta de versões diferentes de aeronaves: EMB 145 AEW&C, EMB 145 RS/AGS e P-99.

A IDEX é uma importante feira internacional do setor de defesa, realizada na região do Golfo e Oriente Médio. Entre os participantes incluem-se renomados fabricantes de aviões, operadores, organismos reguladores e autoridades governamentais.

FONTE: Aviação Brasil / Embraer – Assessoria de Imprensa – São José dos Campos/SP