Queda de caça Jaguar mata piloto da Aeronáutica indiana

179

Um caça SEPECAT Jaguar da Força Aérea da Índia se chocou hoje no estado de Rajastão, matando o piloto. O acidente aconteceu por volta das 10h45 (2h15 de Brasília), enquanto o piloto praticava uma operação de bombardeio para uma exibição da Força Aérea prevista para 8 de março.

Segundo o canal local da televisão NDTV, o avião descia durante a manobra e se supõe que, posteriormente, teve um problema técnico que causou a queda do avião. O piloto não conseguiu utilizar o mecanismo de evacuação e acabou morrendo no acidente. O NDTV informou que esta foi a primeira vez que um caça Jaguar da Força Aérea indiana caiu. Em 20 de fevereiro, três crianças morreram e 20 pessoas ficaram feridas na queda de um MIG-21 da Força Aérea da Índia, sobre um povoado no estado de Gujarat.

Os aviões MiG, de origem soviética, são conhecidos pelos militares indianos como “caixões voadores” e, desde o início de 2002, a maioria dos acidentes da aviação militar indiana, a quarta maior do mundo, foi com MiG-21.

FONTE: Agência EFE – Fernando Valduga – Porto Alegre/RS