TAM leva toten de auto-atendimento aos principais aeroportos

201

TAM leva toten de auto-atendimento aos principais aeroportos

Equipamento permite ao passageiro sem bagagem fazer o check-in em

dez segundos; serviço beneficiará 70% dos clientes que já utilizam o e-ticket

São Paulo, 11 de fevereiro de 2003 – A partir desta semana, todos os passageiros da TAM – que viajam com bagagem de mão e utilizam o e-ticket – podem fazer agora o seu check-in nos totens de auto-atendimento instalados nos principais aeroportos do País. A medida beneficia 70% dos clientes da empresa que viajam com o bilhete eletrônico. Na fase inicial de funcionamento do novo sistema, o totem de auto-atendimento era de uso exclusivo dos clientes do Programa Fidelidade.

A principal vantagem do equipamento é a agilidade na hora do embarque. O totem permite que passageiros façam o seu check-in automaticamente em menos de 10 segundos. O funcionamento é simples e sem burocracia: basta que o cliente digite o número do seu bilhete eletrônico (e-ticket). Em seguida, é preciso apenas confirmar dados do vôo, escolher o assento e retirar o cartão de embarque.

O toten permite, inclusive, que passageiros sem reserva realizem o check-in automático nos vôos com disponibilidade de assento. No caso dos clientes do Fidelidade que informarem o número de seus cartões no ato da compra do bilhete eletrônico, o processo é ainda mais simples. Eles só precisam passar o cartão do programa e confirmar os dados.

A TAM é a primeira empresa aérea a implantar esse tipo de atendimento no Brasil. Além de oferecer um check-in mais rápido, o serviço diminui filas no balcão e agiliza o processo de embarque. O e-ticket pode ser adquirido nas lojas da TAM, agências de viagens, internet ou call center.

A companhia instalou os primeiros totens em Congonhas (SP), no mês de agosto do ano passado, e, desde o final de 2003, está expandindo o auto-atendimento para outros aeroportos. O equipamento já está funcionando em Guarulhos (São Paulo), Afonso Pena (Curitiba), Pampulha (Belo Horizonte), Viracopos (Campinas), Santos Dumont (Rio de Janeiro), Salvador, Porto Alegre, Ribeirão Preto, Brasília, Belém, Florianópolis e Vitória.

Até o final desta semana, será finalizada a implantação dos primeiros 50 equipamentos nos principais aeroportos do País, incluindo os aeroportos de Recife e Fortaleza. Os investimentos desta primeira fase totalizam R$ 900 mil.

A TAM prevê que o novo serviço estimule a venda de e-ticket, bilhete eletrônico lançado no Brasil pela companhia em 1999. Em maio de 2002, 8,6% das emissões de passagens na empresa eram e-ticket. Ao longo de 2003, esse percentual subiu para 50% e iniciou 2004 já com 70%.

FONTE: TAM – Aviação Brasil – São Paulo/SP