Aeronave da Gol desaparece após colidir com um Legacy

150

Uma aeronave Boeing 737-800, que segundo as primeiras informações é a de prefixo PR-GTD, desapareceu esta noite ao colidir com uma aeronave executiva Legacy.

A Gol está tentando localizar o avião com 155 passageiros que saiu de Manaus com escala em Brasília e destino ao Rio de Janeiro, segundo a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), e teria sumido do radar de controle do sistema aéreo nacional. Segundo informações preliminares, o avião teria colidido em pleno vôo com outra aeronave de pequeno porte, modelo Legacy, fabricada pela Embraer.

O Legacy teria pousado com a asa avariada em um campo de provas da Força Aérea Brasileira, na Serra do Cachimbo, no Pará. O boeing 737, vôo 1907 da companhia, teria caído no Pará, segundo a Globonews. A aeronave deveria ter chegado ao seu destino às 18h de hoje.

Segundo informações da Globonews, a empresa está conduzindo parentes e amigos dos passageiros até um prédio ao lado do aeroporto de Brasília. A Gol deve fazer um pronunciamento oficial assim que conseguir contactar todos os parentes.

A Força Aérea já enviou equipes de busca para encontrar o avião.

Aviação Brasil está acompanhando via Terra Noticias e outros canais de comunicação e informa os últimos detalhes informados:

21h18 – Ao Vivo – Um avião da Gol, com 150 passageiros, que saiu de Manaus com escala em Brasília e destino ao Rio de Janeiro, sumiu do radar de controle do sistema aéreo nacional.

21h21 – Ao Vivo – Segundo informações preliminares, o avião teria colidido em pleno vôo com outra aeronave de pequeno porte, modelo Legacy, fabricada pela Embraer.

21h24 – Ao Vivo – O Tenente Coronel Cuin, da Aeronáutica, informou, segundo a Globo News, que as buscas visuais ao vôo da Gol devem iniciar amanhã de manhã.

21h28 – Ao Vivo – Ainda segundo o tenente, já foram deslocados para o local duas aeronaves e dois helicópteros. O Centro de Resgate também deve enviar efetivo para a região do acidente.

21h31 – Ao Vivo – O tenente informou também que, neste momento, apenas buscas eletrônicas através de radares estão sendo feitas.

21h33 – Ao Vivo – A Gol está reunida com os parentes dos passageiros do avião, segundo a Globo News. Os funcionários estão identificando os parentes e amigos no saguão de desembarque e encaminhando para a reunião.

22h32 – Ao Vivo – A Gol enviou um comunicado oficial, em que informa que o vôo 1907, que partiu hoje do aeroporto de Manaus, às 15h35 (horário de Brasília), e tinha chegada prevista ao aeroporto de Brasília, às 18h12, não teve o seu pouso confirmado até o momento.

22h36 – Ao Vivo – A Infraero de Manaus informou que 149 pessoas que estavam no vôo eram passageiros e, outras seis, tripulantes, segundo a Rede Bandeirantes.

22h47 – Ao Vivo – A primeira pessoa que informou Brasília sobre o acidente, um rádio-amador de Alexania (GO), disse que recebeu a informação de que o avião da Gol voava baixo e teria explodido. As informações são da Rede Bandeirantes.

23h19 – Ao Vivo – A Gol informou, em comunicado, que maiores informações podem ser obtidas pelo telefone 0800-2800749.

23h33 – Ao Vivo – Segundo comunicado da Gol, o Boeing 737-800 foi recebido novo do fabricante no último dia 12 de setembro e tem apenas 200 horas de vôo.

FONTE: Aviação Brasil via Terra Noticias – Redação – São Paulo/SP

Publicidade