Air Canada Brasil supera resultado global da companhia

137

No mês de dezembro o sistema de tráfego, em uma base consolidada da Air Canada e da Jazz, cresceu em 3.8% sobre um incremento de 3.7% da capacidade. Os números resultaram em uma taxa de ocupação de 77.9% em janeiro de 2008, que versus os 77.8% obtidos em janeiro de 2007 representaram um recorde para o mês.

No Brasil a taxa de ocupação do período ficou acima das expectativas, superando o resultado global da companhia. Em janeiro de 2008 a base brasileira registrou um load factor de 92.5%, contra os 89.6% alcançados em janeiro de 2007.

De acordo com o cálculo preliminar de tráfego, em comparação com janeiro de 2007 a principal transportadora do Grupo ACE Aviation Holding Inc. aumentou em 3.4% seu faturamento por milhas voadas (RPMs) em janeiro de 2008. A capacidade incrementou em 3.3%, resultando em uma taxa de ocupação de 78.7%, que comparados com os 78.6% de janeiro de 2007 representam um incremento de 0.1%.

“Em janeiro registramos o mais alto load factor para a Air Canada e a Jazz, de 77.9%. Em uma base combinada, o sistema de tráfego cresceu 3,8% em relação ao ano anterior”, disse Montie Brewer, presidente e CEO da Air Canada.

“Esses resultados, atingidos em um mês tradicionalmente lento para as viagens, demonstram o sucesso do gerenciamento disciplinado da capacidade, combinado com a renovação da frota e a crescente preferência dos clientes pelas tarifas inovadoras e os novos amenities oferecidos pela empresa. Estou particularmente orgulhoso de nossos funcionários, que trabalharam duro para cuidar dos clientes durante um inverno de condições desafiadoras”, concluiu.

FONTE: Aviação Brasil – Assessoria de Imprensa – Sâo Paulo/SP

Publicidade