Boa fase de vendas da Boeing Business Jets continua com sete novas compras

316

A Boeing Business Jets anunciou hoje que recebeu sete novas encomendas, totalizando 135 vendas de jatos particulares neste ano. As novas encomendas estão avaliadas em US$ 478,5 milhões.

Os novos pedidos são de seis BBJs de alta performance, derivados do campeão de vendas 737-700 Next-Generation; e mais um jato 787-9 VIP. O jato 787 VIP é baseado no lançamento de maior sucesso da aviação comercial, o 787 Dreamliner.

“Após recebermos 23 encomendas de jatos de luxo no ano passado, continuamos percebendo uma demanda incrível. A Boeing Business Jets pode ser fenômeno em mais este ano”, disse Steven Hill, presidente da Boeing Business Jets, durante a coletiva de imprensa na véspera da European Business Aviation Convention & Exhibition (EBACE), em Genebra, na Suíça. “Desde a última edição da EBACE, em 2006, a Boeing Business Jets recebeu 27 novos pedidos, incluindo 12 BBJs, dois BBJ-2s, três BBJ-3s, quatro 747-8 VIPs e seis 787 VIPs. Este total não contempla dois 787s que foram comprados por clientes VIP diretamente de companhias de leasing”, conclui Hill.

Um Boeing Business Jet estará exposto no pavilhão externo (Palexpo), da EBACE no período de 22 a 24 de maio. As exibições e conferências acontecem no perímetro do Aeroporto Internacional de Genebra.

Até hoje, as vendas do programa BBJ incluem 107 BBJs, 15 BBJ-2s, três BBJ-3s, quatro 747-8 VIPs e seis 787 VIPs.

Proprietários particulares compreendem a maioria da base de clientes da Boeing Busisness Jets, cerca de 44%. A segunda maior fatia da clientela, 36%, é composta por chefes de Estado e Governos. O restante dos compradores é dividido entre os clientes do segmento corporativo e entre operadoras de frete.

A Boeing Business Jets foi lançada em 1996, e compreende um acordo de joint venture entre a Boeing e a General Electric para entrar no mercado de jatos de longo alcance por meio do 737 Next Generation. Com o apoio da General Eletric, a Boeing gerencia as operações cotidianas, fabrica as aeronaves e é responsável por sua comercialização e ações de marketing. Desde o início do programa, 104 BBJs foram entregues e noventa BBJs estão em serviço, o que implica dizer que 14 estão na fase de finalização de seus interiores.

Até hoje, a frota mundial BBJ tem gerado mais de 241.500 horas de vôo e mais de 93.000 vôos. É o jato líder de confiabilidade, com média de 99,9% de aprovação.

No final do ano passado, a Boeing Business Jets lançou as versões VIP do 787 Dreamliner e do 747-8 Intercontinental. Aproximadamente 300 aviões Boeing VIPs estão a serviço de negócios particulares no mercado de jatos.

FONTE: Aviação Brasil – Assessoria de Imprensa – São Paulo/SP

Publicidade