China Eastern Airlines recebe seu primeiro jato da Embraer

210

A Harbin Embraer Aircraft Industry Co., Ltd. (HEAI) anunciou hoje que a China Eastern Airlines Jiangsu Ltd. recebeu a primeira das cinco unidades encomendadas do avião ERJ 145, de 50 assentos. A conclusão das entregas para a China Eastern é esperada para abril de 2006.

Su Guoxin, Presidente da China Eastern Airlines Jiangsu Ltd., disse: “Estou muito feliz por ser o segundo cliente da Harbin Embraer. O ERJ 145 vai fortalecer nossas operações, ajudando-nos a suprir a demanda em rotas diversificadas e oferecendo serviço aéreo flexível para nossos passageiros. O ERJ 145 será colocado em operação assim que concluirmos o recebimento do avião. Tendo Nanjing como hub, o ERJ 145 voará a partir de Nanjing para cidades como Chongqing, Hohhot, Shijiazhuang e Zhengzhou. Este serviço desempenhará papel importante no desenvolvimento econômico local.”

“É estimulante perceber que os produtos da HEAI tem aceitação crescente na indústria de aviação da China”, disse Roberto Rossi, Presidente da Harbin Embraer Aircraft Industry Co., Ltd.. “Com o desenvolvimento da aviação regional chinesa e o sucesso demonstrado pela família ERJ 145 no mundo todo, a China Eastern Airlines Jiangsu Ltd. será capaz de expandir sua malha aérea, oferecendo transporte flexível a baixo custo e baixo risco, ao mesmo tempo em que explora novos mercados.”

A HEAI é uma joint venture estabelecida em 2003 entre a Embraer, a Harbin Aviation Industry (Group) Co., Ltd. e a Hafei Aviation Industry Co.. A Harbin Aviation Industry (Group) Co., Ltd. e a Hafei Aviation Industry Co.. são empresas do grupo China Aviation Industry Corporation II (AVIC II). Ainda em 2003, aconteceu a apresentação da primeira aeronave da HEAI. Entre junho de 2004 e janeiro de 2005, a HEAI entregou as primeiras seis unidades do ERJ 145 produzidas localmente para a China Southern Airlines.

A fábrica da Embraer na China produz sob licença as aeronaves da família ERJ 145 e sua operação abrange montagem final de aviões, venda e apoio pós-venda ao cliente. Até 20 de agosto de 2005, a HEAI empregava 174 pessoas. O investimento total da Embraer no programa chinês do ERJ 145 é de US$ 25 milhões.

FONTE: Aviação Brasil – Assessoria de Imprensa – São Paulo/SP

Publicidade