Chineses encomendam 30 Airbus

1043

A China Aviation Supplies Imp. & Exp. Group Corporation (CASGC) assinou um Acordo de Termos Gerais (em inglês GTA) com a Airbus em Beijing encomendando 30 aviões da Airbus, com entregas previstas a partir de 2004. Sob este acordo, os 30 aviões, que incluem 4 A330, 16 A319 e 10 A320 no valor aproximado de US$ 2 bilhões, serão operados pelos grupos China Southern Airlines, Air China, China Eastern Airlines e pela Hainan Airlines e Sichuan Airlines.

O presidente da Airbus, Noel Forgeard, e o presidente da CASGC, Li Hai, assinaram o acordo no Grande Pavilhão do Povo. Os primeiros-ministros chinês e francês, respectivamente Wen Liabao e Jean-Pierre Raffarin, estiveram presentes na cerimônia.

O destaque deste negócio é que será a primeira vez que o A330 será operado por uma empresa da China Continental. “A CASGC tem tido uma relação de cooperação de alto nível com a Aribus há muitos anos”, disse o presidente da CASGC Li Hai. “Através de esforços comuns, esperamos que a Airbus possa fornecer produtos de aviação mais modernos e econômicos às empresas chinesas, enquanto a CASGC poderá oferecer serviços de alta qualidade e de valor agregado às mesmas companhias.

“A escolha dos A330, A320 e A319 diversificou e expandiu a frota de aviões Airbus na China e significou um importante marco para nossa empresa”, disse o presidente da Airbus Noel Forgeard. “Consideramos a China como um mercado estratégico e estamos muito satisfeitos de recebermos este voto de confiança das empresas chinesas”. Os A330 permitirão às companhias chinesas abrirem novas rotas tronco domésticas e internacionais, reduzindo ao mesmo tempo os custos de operação. Os A319 e A320 farão um excelente trabalho para as empresas, oferecendo mais conforto, maior confiabilidade técnica e custos de operação imbatíveis. O A330 é renomado por ser o avião mais eficiente da categoria, combinando baixos custos de operação com alta capacidade de carga, que permite aumentar a rentabilidade. O A330 oferece ainda a cabine de passageiros mais ampla da categoria.

A família A320 é líder em vendas, e tem uma maior largura de cabine que estabeleceu novos padrões de conforto na categoria, permitindo colocar poltronas e corredores mais largos assim como bagageiros de teto mais amplos. Formada pelos A318, A319, A320 e A321, que compartilham o mais alto grau de padronização e economia, a família A320 oferece mais vantagens para os operadores, incluindo menores custos de manutenção e de treinamento. Os negócios da Airbus na China têm se expandido desde sua chegada ao país em 1985. A frota Airbus na China Continental, Hong Kong e Macao passou de 29 aviões em 1995 para 190 agora. O Centro de Treinamento e Serviços de Apoio a Clientes CASC/AIRBUS, que representou um investimento de US$ 80 milhões para Airbus, está totalmente operacional em Beijing. Quatro fabricantes chineses já estão envolvidos na elaboração de componentes para a Airbus, como partes de asas, portas para passageiros e ferramental para manutenção.

FONTE: Aviação Brasil / Airbus – Assessoria de Imprensa – Rio de Janeiro/RJ