Emirates voará em novembro de Dubai para Seoul com o Airbus A380

169

O novo serviço coincidirá com a iniciativa “Visite a Coréia em 2010” – uma ação conjunta do governo nacional e da cidade de Seul com o setor privado para promover a Coréia do Sul como destino turístico internacional.

A estréia no nordeste asiático será também um marco para a aviação em Seul, com a primeira operação de um A380 na região. O vôo ecológicamente correto segue a receita bem sucedida do lançamento em Londres e Nova York. Em breve, Sydney e Auckland também farão parte das rotas do A380 da Emirates.

Ações comerciais entre a Coréia do Sul e os Emirados Árabes Unidos têm crescido mais de 150% nos últimos cinco anos, gerando um lucro anual de mais de 16 bilhões de dólares. A relação econômica entre as duas nações é resultado de várias iniciativas conjuntas, que incluem a visita à Coréia do Sul do Sheik Mohammed Bin Rashid Al Maktoum, vice-presidente e primeiro-ministro dos Emirados Árabes Unidos e governante de Dubai, além de frequentes visitas da Câmara de Comércio e Indústria da Coréia aos Emirados Árabes.

O Burj Dubai, que hoje já é o prédio mais alto do mundo, foi construído pela sul-coreana Samsung Corporation e inaugura ainda este ano. As exportações da Coréia do Sul para os Emirados Árabes cresceram mais de 50% no final do primeiro semestre de 2008, em comparação ao mesmo período de 2007. Os Emirados foram o principal cliente de mercadorias provenientes da Coréia do Sul no ano de 2008, com a aquisição de aparelhos celulares para Dubai e todo Oriente Médio.

As operações do A380 da Emirates, portanto, se destacam nos projetos do Governo da Coréia do Sul, e fazem parte do plano de ações para transformar o Aeroporto Internacional de Incheon em principal ponto de conexão para as rotas asiáticas.

“Seul tem sido um mercado promissor para a Emirates desde o início dos serviços, em 2005. Em 2004 apenas 37.000 passageiros viajavam por ano entre Dubai e Seul, número que hoje supera a marca de 260.000*. A nova aeronave desenvolverá ainda mais esse mercado, além de incentivar o setor de turismo e negócios da Coréia do Sul”, explicou Sua Alteza Sheikh Ahmed bin Saeed Al-Maktoum, presidente e CEO da Emirates Airline e Grupo Emirates.

“O Aeroporto Internacional de Incheon está recebendo uma série de investimentos em sua infra-estrutura para receber o A380 e nós somos gratos a eles e aos nossos ground handlers, a Swissport, pelo ótimo trabalho de preparação do aeroporto para as operações da nova aeronave”, afirmou Sheik Ahmed.

CW Lee, presidente e CEO do Aeroporto Internacional de Incheon, por sua vez, informou que “este é um passo importante para o futuro do Incheon e da aviação na Coréia do Sul. Nós fizemos um investimento de quase 4 bilhões de dólares para preparar o aeroporto e agora estamos muito felizes em receber, em breve, essa importante aeronave.”

“O Incheon ganhou o prêmio de melhor atendimento ao cliente por três anos consecutivos. Agora, com a introdução do A380 em Seul, esperamos que o cliente tenha uma experiência melhor e satisfação ainda maior”, acrescentou Lee.

Segundo J.W. Kim, presidente da Swissport Korea, “o Aeroporto Internacional de Incheon ficará pronto e totalmente preparado para o A380. Nossa equipe foi especialmente treinada e está ansiosa para receber na Coréia do Sul a aeronave mais moderna do mundo”.

O A380 é considerado a aeronave mais moderna e ecologicamente correta do mundo, com uma significante redução de ruídos e emissão de gases em comparação aos modelos existentes no mercado.

Os serviços de bordo oferecidos no A380 da Emirates incluem spa com chuveiro para a Primeira Classe, com produtos assinados pela renomada marca Timeless SPA. No lounge, os passageiros experimentam um ambiente de clube executivo, com bar e diversas opções de aperitivos.

Assentos totalmente reversíveis e com equipamentos de massagem, inauguram uma nova era em termos de assentos-cama de Primeira Classe. Além disso, o passageiro tem ao seu dispor o ICE, sistema de informação, comunicação e entretenimento com mais de 1000 canais a sua escolha. Atualmente os vôos da Emirates para Seul são operados diariamente pelo Boeing 777.

FONTE: Aviação Brasil – Assessoria de Imprensa – São Paulo/SP

Publicidade