Helibras participa do maior evento de defesa e segurança da América Latina

139

Em seu estande, com área total de 500m2, a empresa exibirá duas aeronaves que compõem a frota atual das Forças Armadas brasileiras: os helicópteros Cougar AS-532 AL e Panther AS-365 K, de propriedade do Exército.

No segundo dia do evento (15/04), a Helibras prestará homenagens aos esquadrões do Exército, da Marinha e da Força Aérea Brasileira que participaram das operações de socorro às vítimas da enchente em Santa Catarina, ocorrida em novembro de 2008 e na Bolívia, em fevereiro de 2009. Já o 4º Batalhão de Aviação do Exército será homenageado por conta de sua participação na missão de resgate dos reféns das Farc, na Colômbia, em fevereiro deste ano.

Além de seus 30 anos de fundação, a Helibras celebra também a entrega de seu primeiro helicóptero fabricado no Brasil, na cidade de Itajubá/MG. Em junho de 1979, durante cerimônia realizada na Escola Naval no Rio de Janeiro, a Marinha do Brasil recebia o modelo Esquilo N-7050, operado pelo Primeiro Esquadrão de Helicópteros de Emprego Geral (HU-1). A gama de aeronaves seria mais tarde consagrada no segmento militar nacional, sendo hoje o helicóptero com maior número de unidades em uso nas três Forças – 89 no total (monoturbina e biturbina).

Durante a LAAD, a Helibras assinará oficialmente um contrato com a Secretaria de Segurança Pública do Estado da Bahia, para venda do helicóptero Esquilo AS-350 B2, que será utilizado pela Polícia Militar baiana. Esta aquisição é fruto de um convênio com a Secretaria Nacional de Segurança Pública. Fabricado no Brasil, a aeronave contempla todo o pacote de equipamentos desenvolvidos pela Helibras/Eurocopter, que inclui, entre outros acessórios, faróis de busca, rádios táticos, navegador com mapas eletrônicos de ruas, GPS integrado e ainda um imageador térmico, dispositivo que capta imagens por meio de um sensor de calor.

“Participamos da LAAD desde a sua criação por ser um evento de extrema relevância nas discussões que envolvem a área de defesa e segurança nos países da América Latina. O Brasil ganha cada vez mais importância neste cenário por conta das políticas de fomento que vem sendo adotadas para que o país se transforme em um grande pólo aeronáutico na América do Sul, com profissionais capacitados e tecnologia de ponta para fabricação de helicópteros civis e militares”, afirma Julien Négrel, diretor comercial e de marketing da Helibras.

Com atuação nos mercados civil, parapúblico e militar, a Helibras atende a mais de 200 clientes em 19 estados do país. Conta com participação de 53% na frota brasileira de helicópteros a turbina, que somadas ultrapassam 1,3 milhão de horas de voo. No segmento militar, a Helibras detém 66% de participação no mercado, operando cerca de 150 dos 228 helicópteros que compõem a frota nacional das Forças Armadas.

FONTE: Aviação Brasil – Assessoria de Imprensa – São Paulo/SP

Publicidade