Lufthansa oferece a bordo os pontos altos da gastronomia chinesa e européia

145

Seja uma entrada de chutney de tomate e salada de manga seguida por filé de solha com cobertura de soja e acompanhado de ragu de arroz selvagem e cogumelos e purê de salsão na First Class ou um pavê expresso de chocolate com coentro e molho de morango na Business Class – Susur Lee mistura a variedade dos temperos orientais com as tradições da cozinha européia em cada um de seus pratos. “Minha cozinha é uma amálgama de culturas”, diz ele.

Susur Lee nasceu em 1958 em Hong Kong. Caçula de quatro filhos, iniciou a carreira como aprendiz de cozinheiro em 1972 no renomado Hotel Peninsula em sua cidade natal. Seis anos depois, emigrou para o Canadá, onde se tornou conhecido trabalhando como cozinheiro chefe em diversos restaurantes, antes de abrir seu próprio estabelecimento em 1987. Desde então, o “Susur” não apenas transformou-se em um dos melhores restaurantes de Toronto, como goza de excelente reputação internacional há muitos anos. A revista britânica “Restaurant Magazine” considera o “Susur” um dos 50 melhores restaurantes do mundo e para a revista especializada “Food & Wine”, Susur Lee é um dos “Top Ten Chefs” do mundo.

Em 2004, ele criou o “Lee”, uma alternativa mais econômica e urbana dos seus restaurantes, porém sem deixar de cultivar suas criações. Os pratos sempre unem culturas ocidentais e orientais, combinam temperos do mundo todo e ampliam as dimensões do sabor com ingredientes agridoces, frutas e pimentas. Para este mestre da culinária, conhecimentos culturais sólidos são indispensáveis para criar uma combinação bem sucedida.

Nos meses de novembro e dezembro serão servidos cerca de 300.000 cardápios de Susur Lee na First e Business Class dos vôos de longa distância Lufthansa.

FONTE: Aviação Brasil – Assessoria de Imprensa – São Paulo/SP

Publicidade