Qantas fecha Australian e potencia Jetstar como alternativa

113

A companhia australiana Qantas anunciou que decidiu encerrar a subsidiária Australian Airlines e centralizar os seus esforços de expansão na subsidiária de baixo custo Jetstar.

A Australian Airlines deverá encerrar até final de Julho deste ano. Como resultado da retirada desta companhia, a Jetstar iniciará este Verão ligações regulares para o Japão, Vietname, Tailândia e Honolulu (ilhas Hawai), em voos que serão operados em nome da Qantas, com tripulações que envergarão as fardas da companhia-mãe. Serão autênticos voos “wet lease”, confirmaram os responsáveis pelo maior grupo aéreo australiano.

A Jetstar foi desta forma escolhida para apoiar a expansão da Qantas, que optou por uma experiência de mercado que se tem revelado bastante útil, dada a redução de custos e o bom desempenho de equipamentos e tripulações. A companhia que começou a voar em Maio de 2004 já criou 1.300 novos empregos, esperando até meados de 2007 admitir mais 550 trabalhadores para apoiar as novas operações internacionais da Jetstar em países próximos, enquanto a Qantas se dedicará às operações intercontinentais em segmentos de negócios e turismo para clientes dispostos a pagar uma melhor qualidade de serviço a bordo.

A decisão da Qantas está a ser bem aceite pelas autoridades e operadores australianos que consideram ser esta uma boa estratégia para conquistar diferentes segmentos de turismo, ambos importantes para o desenvolvimento do sector no país e para o crescimento das duas companhias aéreas, em dois níveis de mercado.

FONTE: AeroPress – Redação – São Paulo/SP