Rico mostra muito equilíbrio em seus números

205

Com base em dados de fontes oficias, o site Aviação Brasil apurou os resultados de diversas empresas aéreas no 1º semestre de 2003.
O resultado da Rico Linhas Aéreas, que recentemente comprou 2 Boeing 737-200 da Varig, mostra números bastante equilibrados.
O resultado de vôo do período foi de R$ 102.953,00 negativos no mercado doméstico. Para o segundo semestre, com charters para Aruba e o início dos vôos com Boeing, a tendência é de que o resultado seja melhor. Resultado de vôo é o cálculo obtido entre as
receitas e despesas obtidas na operação da malha aérea. A Rico teve uma queda de 10,74% na oferta de assentos por quilometros oferecidos no doméstico e de de 14,77% no número de passageiros transportados pagos que foi de 55.263 passageiros.
Seu break-even foi de 62% com um aproveitamento de 61%, obtendo resultado negativo na lucratividade de 0,6%.
Estes dados serão sempre apresentados na seção Empresas Aéreas do site Aviação Brasil, que estará no ar completa e remodelada em Fevereiro próximo.
Os dados referente o ano de 2003, completos, serão divulgados assim que o Aviação Brasil os receber.

FONTE: Aviação Brasil – Aviação Brasil – São Paulo/SP

Publicidade