TAM e Air China fecham acordo de compartilhamento de voos

114

Partindo do Brasil pela TAM, os passageiros terão a chance de comprar bilhetes até Pequim, com conexão no aeroporto de Barajas, em Madri. Lá, contarão com os serviços e apoio de equipes brasileiras da TAM para fazer conexão com os voos operados pela Air China, que levarão o código JJ até Pequim.

Da capital chinesa para cá, os passageiros da Air China terão as mesmas facilidades na montagem dos seus roteiros aéreos, fazendo conexão também na capital espanhola para os voos diretos da TAM até São Paulo.

Para a TAM, a parceria é bastante estratégica. “É o primeiro acordo que fechamos com uma companhia asiática, fato que ganha relevância ainda maior por se tratar de uma empresa com a capilaridade e o padrão de atendimento da Air China, nossa parceira na Star Alliance”, declara Paulo Castello Branco, vice-presidente Comercial e de Planejamento da TAM.

“A TAM é um novo membro da Star Alliance. Estamos felizes em estabelecer essa parceria com ela, que permite aos passageiros viajar com maior comodidade em nossas operações próprias ou por codeshare com parceiros”, diz Zhang Lan, vice-presidente da Air China.

FONTE: Aviação Brasil – Assessoria de Imprensa – São Paulo/SP