UPS recebe o primeiro Boeing 747-400F

210

O primeiro 747-400 da UPS chegou ao terminal aéreo global da companhia para ser inaugurado, e já está pronto para cumprir a missão estampada em sua fuselagem – “Sincrozinando o Mundo dos Negócios”.

A UPS voará com seu jumbo cargueiro em suas rotas internacionais de percurso longo, primeiramente na região do Pacífico-Ásia. Os destinos regulares do primeiro 747-400 da UPS serão Incheon, na Coréia do Sul, Sidney, na Austrália, Hong Kong e Xangai, na China, onde a companhia está construindo seu terminal aéreo internacional. Em breve, a companhia utilizará esta aeronave em seus vôos do programa Volta ao Mundo, com paradas em Colônia, na Alemanha, Dubai, nos Emirados Árabes e em Bombaim, na Índia.

“Como prevemos um forte crescimento internacional, o 747-400 é perfeito para a UPS”, explica Mike Eskew, Chairman e CEO da UPS. “Este avião tem uma grande capacidade de carga, e assim, poderemos atender à necessidade de transporte de encomendas e cargas de nossos clientes em mercados de outros continentes. Isto sem mencionar que o 747-400 tem marcas recordes de segurança, confiabilidade e colaboração ambiental, já que emite menos CO2”, conclui Eskew.

A UPS receberá três novos 747-400s em 2007 e mais cinco em 2008. A companhia também vai adquirir outras cinco aeronaves de diferentes operadoras até 2010, totalizando uma frota de 13 aeronaves deste modelo.

O 747-400 tem capacidade de carga de 123 toneladas, com autonomia de 4.400 milhas náuticas, tem 30 posições de carga em seu deque principal e pode carregar pequenos contêineres em seu deque inferior. A aeronave tem motores da General Electric CF6-80C2B5F.

O 747-400 será o primeiro cargueiro da frota UPS com o nariz articulado. A capacidade de carregar o avião pelo nariz é ideal para o transporte aéreo, pois permite a entrada de carregamentos de grande porte.

Enquanto outras versões do Boeing 747 voaram por aproximadamente quatro décadas, a versão 400 desta série da UPS traz as últimas tecnologias de vôo. Dentre as inovações tecnológicas, podemos destacar:

· O Sistema de Manutenção da Saúde do Avião (Airplane Health Management System), que permite à aeronave diagnosticar seus próprios problemas enquanto voa e transmitir estas notificações ao centro de manutenção de aeronaves no solo.

· O ADS-B, tecnologia de aviso situacional que melhora a segurança de vôo por permitir ao piloto ‘visualizar’ outras aeronaves em torno dele.

· A Mochila de Vôo Eletrônico (Electronic Flight Bag), um computador que substitui as cartas de navegação e manuais em papel utilizados por pilotos na cabine de comando.

“O modo como o 747-400 combina uma tecnologia sofisticada com a já comprovada rapidez em percorrer trajetos, faz deste avião a aquisição perfeita para a UPS”, diz o Vice-Presidente de Linha Aérea Internacional da UPS, Bob Lekites. “Nós combinamos uma longa história de sucesso com a engenharia visionária para nossos clientes globais de amanhã”, conclui Lekites.

FONTE: Aviação Brasil – Assessoria de Imprensa – São Paulo/SP

Publicidade