Varig terá reserva na Ponte Aérea e mais assentos na classe econômica

125

A VARIG será ainda mais competitiva no mercado, com a implantação – até o fim do mês – de duas inovações em suas rotas doméstica: a reserva nos vôos da ponte aérea Rio/São Paulo e o aumento da oferta de assentos na Classe Econômica.

O sistema de reservas nos vôos da ponte aérea será adotado a partir de terça-feira (16.08), garantindo mais uma opção para o conforto dos seus passageiros. O novo sistema, porém, manterá a principal característica das ligações entre os aeroportos centrais das duas cidades que é o embarque direto em Congonhas (São Paulo) e no Santos Dumont (Rio de Janeiro).

Para isso, haverá um percentual de assentos destinados para as reservas, que poderão ser feitas até três horas antes do vôo. Os passageiros deverão chegar ao aeroporto meia hora antes da chamada do embarque.

A implantação do sistema de reservas na ponte vai permitir a ampliação de promoções que a empresa tem aplicado nos demais trechos domésticos. Serão promoções pontuais, visando oferecer ao cliente mais oportunidades de viajar entre para as duas cidades.

Atualmente, os níveis de tarifas mais vendidos na ponte são R$ 458,00 (ida e volta), com a compra restrita a sete dias de antecedência e estadia mínima de três dias no destino; R$ 289,00 (apenas ida) somente para os fins de semana; e R$ 344,00 (apenas ida), sem qualquer restrição. O bilhete pode ser financiado no cartão de crédito em até três vezes sem juros e tem a facilidade de compara pela Internet (www.varig.com.br) , nas lojas, pela Central de Atendimento da VARIG (telefone local 4003-7000), ou nas agências de viagens.

Os passageiros que comprarem o pacote promocional Super Weekend têm reserva garantida nos vôos. Lançado recentemente pelas prefeituras do Rio e de São Paulo, a promoção oferece a oportunidade para que paulistas e cariocas aproveitem o fim de semana gastando a partir de R$ 399,00 por pessoa. A VARIG é a transportadora oficial do programa que inclui bilhete da ponte aérea, uma noite em hotel em apartamento duplo e café-da-manhã.

A VARIG opera 60 vôos diários na ponte Rio/ São Paulo, com saídas a cada 20 minutos, em média. A primeira partida é às 6h20m do aeroporto Santos Dumont (Rio) e o último vôo sai às 22h34m de Congonhas (São Paulo).

A empresa também vai aumentar a oferta de assentos no mercado doméstico com a reconfiguração interna de suas aeronaves. Essa expansão, que levará a um incremento da rentabilidade de seus vôos, suspenderá os serviços da Classe Executiva em suas rotas nacionais, a partir do dia 29 deste mês.

A decisão foi tomada depois que se verificou sensível aumento de demanda na Classe Econômica. A ocupação média na malha doméstica da VARIG saltou, este ano, de 70 para 84%, devido ao implemento de uma nova política de tarifas, que reduziu em até 83% os valores para determinados trechos e em alguns períodos.

A VARIG está contactando e reacomodando na Classe Econômica todos os passageiros que estavam na lista da Executiva em vôos posteriores ao dia 29, e vai restituir a diferença do valor da tarifa entre as duas classes.

A reconfiguração interna das aeronaves será realizada pela VARIG Engenharia e Manutenção -VEM, nos Boeing 737/300 e 737/400, aviões de maior utilização nos vôos nacionais. Até o fim de outubro deste ano, todos os 27 B-737/300 terão 136 assentos e os quatro B-737/400, 156 lugares.

FONTE: Aviação Brasil / Varig – Assessoria de Imprensa – Rio de Janeiro/RJ

Publicidade